top of page

AS INTENÇÕES DOS PENSAMENTOS VALEM?

Eu, porém, vos digo, que qualquer que atentar numa mulher para a cobiçar, já em seu coração cometeu adultério com ela.

Mateus 5:28

Como um cristão, como posso lidar com a tentação de cobiçar? O versículo de Mateus 5:28 nos alerta que “Qualquer que olhar para uma mulher com intenção impura, no coração, já adulterou com ela.” (NVI). Esse é um desafio comum que muitos enfrentam em suas vidas cristãs.


A primeira coisa que precisamos entender é que a cobiça começa no coração. Jesus está nos ensinando que o pecado não começa apenas nas nossas ações, mas também em nossos pensamentos e desejos. Ele está nos chamando para ter uma pureza de coração.


A luta contra a cobiça pode ser difícil, mas é possível vencê-la. Precisamos nos lembrar de que Deus nos criou com desejos e paixões saudáveis, mas é nosso papel controlá-los e mantê-los dentro dos limites estabelecidos por Ele. A Bíblia nos ensina que devemos ser autocontrolados e ter disciplina em nossas vidas.


Outra maneira de evitar cobiçar é preencher nossas mentes com pensamentos saudáveis e edificantes. Em Filipenses 4:8, Paulo nos ensina a pensar em coisas verdadeiras, nobres, justas, puras, amáveis, de boa fama, virtuosas e louváveis. Se alimentarmos nossas mentes com esses tipos de pensamentos, não haverá espaço para pensamentos impuros.

Além disso, devemos tomar cuidado com o que estamos vendo e ouvindo. Se estamos assistindo ou ouvindo coisas que nos levam a cobiçar, é hora de mudar nossos hábitos. Em vez disso, devemos cercar-nos de coisas que nos levam a pensar em coisas boas e positivas.


Por fim, precisamos estar em constante comunhão com Deus e permitir que Ele trabalhe em nossas vidas. Em Romanos 8:5, Paulo nos ensina que “os que vivem de acordo com a carne têm a mente voltada para o que a carne deseja; mas os que vivem de acordo com o Espírito têm a mente voltada para o que o Espírito deseja.” Se permitirmos que o Espírito Santo nos guie, Ele nos ajudará a resistir à tentação da cobiça e a manter nossos pensamentos e desejos puros.


Em resumo, a cobiça é uma luta comum que muitos cristãos enfrentam, mas não é uma batalha impossível de ser vencida. Precisamos ser disciplinados em nossos pensamentos e comportamentos, preencher nossas mentes com pensamentos positivos, cuidar do que estamos vendo e ouvindo, e manter uma comunhão constante com Deus. Se seguirmos essas orientações, podemos superar a tentação da cobiça e buscar uma vida de pureza e santidade.


Louvado seja Deus pela sua vida,



PASTOR ERIK SANTANA

Bacharel em Teologia, com especialização em Escatologia e Episcopologia, pelo International Seminary Hosanna and Bible School.




32 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page