top of page

COMO VIVER COM ALEGRIA NA JORNADA CRISTÃ?

Disse-lhes mais: Ide, e comei as gorduras, e bebei as doçuras, e enviai porções aos que não têm nada preparado para si; porque esse dia é consagrado ao nosso Senhor; portanto, não vos entristeçais, porque a alegria do SENHOR é a vossa força. 

Neemias 8.10

Hoje, somos convidados a contemplar o cumprimento das promessas divinas, assim como o retorno do cativeiro previamente profetizado. Tal como o povo que regressava a Sião, experienciamos uma alegria indescritível ao percebermos a fidelidade de Deus. Neste momento de reflexão, recordamos a leitura da Lei realizada pelo sacerdote Esdras, onde a atenção do povo era cativada e suas emoções eram profundamente tocadas.


Assim como Neemias e Esdras encorajaram o povo a não chorar, pois era um dia de alegria, somos lembrados da obra redentora de Jesus. Da mesma forma que o povo de Israel reconstruía Jerusalém após o cativeiro, compreendemos que a noite de nossa aflição passou, e o dia da redenção chegou. Hoje, celebramos a certeza de que Cristo pagou o preço da nossa redenção.

Ao ouvir a Lei, o povo chorava, mas agora, em Cristo, somos proibidos de agir assim, pois Ele, ao subir para a direita do Pai, levou cativo o cativeiro. É tempo de nos alegrarmos, desfrutando da unção divina sobre aqueles que creem na Palavra. Devemos viver a alegria do Senhor, exercendo autoridade sobre as obras do inimigo e libertando os cativos.


Como Paulo, que não se envergonhava do evangelho de Cristo, também nós temos o poder de Deus para pregar salvação, cura, libertação e a vida eterna. Diante desse poder divino, somos incentivados a fazer como Davi, lembrando-nos da ajuda recebida e enviando porções aos perdidos. Afinal, o Senhor nos comissionou a pregar a Verdade a toda criatura.


Assim como os escolhidos iam por toda parte pregando o Evangelho, hoje consagramos nosso tempo a Deus. Vivemos um período em que somos enviados por Jesus para realizar Seus feitos. Olhamos para o futuro, quando Ele arrebatará Sua Igreja, e a obra será consumada. Não há razão para entristecimento, pois a ordem é não vos entristeçais, pois a alegria do SENHOR é a vossa força. Vivamos com a força dessa santa alegria, compartilhando-a com um mundo que tanto precisa dela. Creiamos e vivamos com essa força!


Louvado seja Deus pela sua vida,



PASTOR ERIK SANTANA

Bacharel em Teologia, com especialização em Escatologia e Episcopologia, pelo International Seminary Hosanna and Bible School.




36 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page